Acabou a festa chinesa: Reino Unido decide banir a estatal comunista Huawei de toda a sua rede 5G

O Reino Unido acaba de declarar nessa manhã a sua decisão de banir completamente a estatal chinesa Huawei de toda a sua rede de telefonia 5G, revertendo a decisão de janeiro que permitiria que a empresa comunista pudesse participar de forma limitada em sua infraestrutura.

As empresas que atuam no Reino Unido agora possuem um prazo para até o ano de 2027 de retirarem todos e quaisquer equipamentos tecnológicos de suas redes 5G que utilizem tecnologia da Huawei.

O fato veio após as novas sanções americanas aplicadas pelo governo de Donald Trump, que restringiram globalmente o fornecimento de insumos e materiais para a cadeia de produção da estatal chinesa.

O Ministro da Cultura e Tecnologia do Reino Unido, Oliver Downden, afirmou que as sanções "mudaram significativamente" a realidade:

- "Dada a incerteza que isso gera na cadeia de suprimentos da Huawei, o Reino Unido não pode mais ter certeza de que será capaz de garantir a segurança dos futuros equipamentos de 5G da Huawei"


Obviamente, tal justificativa é apenas uma cortina de fumaça frente às reais preocupações de espionagem que a China vem sendo acusada, utilizando diversas empresas, seja a Huawei ou até mesmo aplicativos para celulares. Uma verdadeira guerra fria de informações que vem sendo travada nos bastidores da geopolítica global.

A decisão é um grande golpe para a Huawei, que opera na Grã-Bretanha há 20 anos. A Europa é um mercado importante para a empresa, respondendo por 24% das vendas no ano passado. A Huawei anunciou na segunda-feira os resultados do semestre mais cedo do que o habitual, relatando um crescimento mais lento da receita. A empresa já está experimentando um declínio nas vendas de smartphones, depois que Washington a impediu de acessar aplicativos populares do Google. Como resultado, os telefones se tornaram muito menos atraentes em mercados fora da China.

Uma vitória para as liberdades individuais, principalmente o direito à privacidade, amplamente perseguido, censurado e controlado pela ditadura chinesa comunista.
Fontes das Informações
  • Amei
Reactions: Jester
Sobre o(a) Autor(a):
POLITZ
Esse é o Perfil Oficial usado pela Equipe de Redação do POLITZ para criar as nossas matérias. As reportagens assinadas individualmente possuem perfil próprio.

Como de costume, oferecemos a fonte originária de todas as informações publicadas no final de cada artigo, com exceção das fontes internas. Captamos diversas informações pelo exclusivo #AlgoritmoPOLITZ que tem um alcance mundial.

Se você gosta do nosso trabalho como mídia independente, considere nos apoiar financeiramente com qualquer valor. Lembre-se que nós não recebemos dinheiro de políticos ou empresas estatais e só funcionamos com contribuições de vocês.

Informações da Publicação

Autor(a)
POLITZ
Visual.
1.254
Comentários
1
Última atualização

Compartilhar

Top Bottom