Ex-ministro da Saúde, Henrique Mandetta, admite que pode se candidatar para Presidente em 2022 mas não deseja ser vice de Sergio Moro: "Não ****"

O ex-ministro da Saúde, Henrique Mandetta (DEM-MS), admitiu que pode ser candidato para a corrida presidencial nas próximas eleições em 2022.

Em declaração para o canal BandNews TV, nessa última quarta-feira, ele afirmou:

- "Em 2022, eu vou estar em praça pública lutando por algo em que eu acredito [...] Se o Democratas acreditar na mesma coisa, eu vou. Se o Democratas achar que ele quer outra coisa, eu vou procurar o meu caminho. Eu vou achar o caminho. Como candidato, ou carregando o porta-estandarte do candidato em que eu acreditar. Mas que eu vou participar ativamente das eleições, eu vou"
Ao ser perguntado para qual cargo ele concorreria, Mandetta respondeu:

- "A presidente, a vice-presidente"
Ele descartou uma possível recandidatura à Deputado Federal, que já fez dois mandatos, lembrando também que cargos como Governador, Vice-Governador e Senador também estarão na disputa.

Em uma publicação de outra fonte originária, Henrique Mandetta afirma que "não ****" ser vice-presidente de Sergio Moro, caso o ex-ministro e ex-juiz federal se candidatasse e formasse uma chapa dos dois.

Conforme publicado: "Ele justifica o formato com o argumento que tem mais experiência política e que Moro foi inábil politicamente, em sua saída do governo".

Ainda:

Em entrevista recente, ao ser questionado sobre a possível chapa, Mandetta disse que “tem dever como cidadão, tanto eu quanto Moro, de dialogar com a sociedade brasileira e participar ativamente das eleições de 2022, seja como candidatos, chapa junto ou campos opostos, mas de fortalecer a democracia brasileira, ou como cidadão com certeza eu vou participar nas eleições de 2022”. “Não, não tem nada descartado. Vai que ****.”
Fontes das Informações

Sobre o(a) Autor(a):
POLITZ
Esse é o Perfil Oficial usado pela Equipe de Redação do POLITZ para criar as nossas matérias. As reportagens assinadas individualmente possuem perfil próprio.

Como de costume, oferecemos a fonte originária de todas as informações publicadas no final de cada artigo, com exceção das fontes internas. Captamos diversas informações pelo exclusivo #AlgoritmoPOLITZ que tem um alcance mundial.

Se você gosta do nosso trabalho como mídia independente, considere nos apoiar financeiramente com qualquer valor. Lembre-se que nós não recebemos dinheiro de políticos ou empresas estatais e só funcionamos com contribuições de vocês.

Comentários

Não há comentários para mostrar.

Informações da Publicação

Autor(a)
POLITZ
Visual.
179
Última atualização

Compartilhar

Top Bottom