Flopou? Bancos brasileiros desistem de envio de dinheiro pelo WhatsApp após testes

Algumas fontes originárias estão informando que os principais bancos do Brasil desistiram de utilizar a plataforma do WhatsApp para envio de dinheiros e pagamentos após a realização de testes.

Bradesco, Santander e Itaú Unibanco participaram da fase de testes do novo recurso mas acabaram desistindo, pois alegaram dificuldades em implementar o projeto e desenvolvimento da tecnologia por conta das mudanças nos procedimentos de trabalho e atendimento causados pela pandemia do vírus chinês (Coronavírus/Covid-19).

O recurso, anunciado no começo da semana, contou com a compatibilidade de cartões de débito e crédito do Banco do Brasil, Nubank e Sicredi, de bandeiras Visa e Mastercard e o processamento das transações seria feito pela Cielo.

Segue um trecho da reportagem:

Para o futuro, é esperado que a bandeira de cartões Elo, de Bradesco, Banco do Brasil e Caixa, e o banco Santander também se unam à ferramenta. Instituições bancárias digitais ainda se preparam para oferecer o serviço, entre elas os bancos Inter, C6 e Neon.

Embora a Cielo tenha permanecido como única responsável pelo processamento das transações, a Rede, do Itaú, a Getnet, do Santander, a Stone e a Adyen também foram consultadas para assumir a operação.
Fontes das Informações
Sobre o(a) Autor(a):
POLITZ
Esse é o Perfil Oficial usado pela Equipe de Redação do POLITZ para criar as nossas matérias. As reportagens assinadas individualmente possuem perfil próprio.

Como de costume, oferecemos a fonte originária de todas as informações publicadas no final de cada artigo, com exceção das fontes internas. Captamos diversas informações pelo exclusivo #AlgoritmoPOLITZ que tem um alcance mundial.

Se você gosta do nosso trabalho como mídia independente, considere nos apoiar financeiramente com qualquer valor. Lembre-se que nós não recebemos dinheiro de políticos ou empresas estatais e só funcionamos com contribuições de vocês.

Comentários

Não há comentários para mostrar.

Informações da Publicação

Autor(a)
POLITZ
Visual.
250
Última atualização

Compartilhar

Top Bottom