• Olá Visitante! Seja muito bem vindo(a)!

    O #FórumPOLITZ é uma Comunidade única, sendo a primeira rede social no estilo de Fórum criada para pessoas que tem sede de conhecimento, conteúdo, informação e que adora uma boa discussão. Prezamos pela liberdade de expressão, em uma rede totalmente segura, livre de censuras e perseguições ideológicas.

    Oferecemos recursos exclusivos, em uma plataforma construída no que há de mais moderno no mundo. Para aproveitar tudo isso, é preciso Criar um Perfil. É rápido, fácil e totalmente gratuito. Você pode usar até a sua conta no Twitter para fazer isso.

    Junte-se a nós, venha se informar e compartilhar o seu conhecimento com a comunidade que mais cresce no Brasil. Esperamos que goste :)

Jair Bolsonaro foi o Presidente da República que aprovou a Reforma da Previdência, mas TODA a mídia está dando o crédito ao Rodrigo Maia

Informações da Imagem
Rodrigo Maia chorando as pitangas após "ser elogiado" por parlamentares por ter aprovado a Reforma da Previdência - Imagem: Fabio Rodrigues/Agência Brasil
Nenhuma mídia tradicional (mainstream) está dando os devidos créditos ao Jair Bolsonaro, por ter sido simplesmente o Presidente da República que conseguiu aprovar a Reforma da Previdência, com todos os problemas que noticiamos aqui, lembrando do fato da diferenciação dos profissionais de segurança pública na Previdência, algo que foi em grande parte apoiado pelo PSL.

Ao verificar os jornais tradicionais, percebemos uma narrativa claramente sendo imposta pelos principais veículos de comunicação. Todos esquecem completamente do principal responsável pela Reforma da Previdência.

E querendo ou não, o crédito é do governo de Jair Bolsonaro, que apresentou junto com o Superministro Paulo Guedes, uma Reforma da Previdência que foi desgastada, modificada e desidratada pela Câmara e suas forças políticas conhecidas como o Centrão, representada tão bem pela figura do Presidente da Câmara, Rodrigo Maia que tem como identidade a própria imagem da velha política, com um toma lá, dá cá bastante característico do Congresso Nacional.

A Câmara dos Deputados não fez nada mais que o seu próprio trabalho em aprovar uma legislação que provavelmente salvará a Economia do país para as próximas décadas e ninguém deve ser aplaudido por ter feito o próprio trabalho. A imagem que o Congresso deve ser voltada para atender os interesses da população e não dos caciques que lá estão presentes.

Com poucas exceções, o que devemos aplaudir é a base do governo do Presidente Jair Bolsonaro, que realmente lutou para enfrentar essas forças políticas representadas pelo Centrão de Rodrigo Maia. A população sabe o nome de quem são essas pessoas e as redes sociais representam uma realidade que a mídia tradicional não mais consegue mais escapar e nem mesmo manipular como era antigamente.

Graças à Deus temos a liberdade proporcionada por essas redes, sejam as de mainstream, como Facebook e Twitter, seja as independentes como o #FórumPOLITZ. Tais redes, respeitadas os limites ideológicos impostos e os seus alcances, ainda garantem uma certa liberdade de acesso ao conhecimento, coisa que a mídia nunca mais vai conseguir impedir.

Com a manipulação das narrativas feitas pela mídia tradicional ao creditar apenas a figura de Rodrigo Maia, ao mesmo tempo, elas fazem um favor de poupar o Presidente Jair Bolsonaro de um desgaste na sua base eleitoral: ninguém em sã consciência mais quer aparecer ao lado dos representantes da velha política. Disfarçar opinião e posicionamento político noticiando fatos é bem diferente de apenas noticiar o fato. As mídias tradicionais fazem isso constantemente e aparentemente, ninguém liga. Deveria ser um crime capital, mas enquanto as narrativas em favor do establishment continuarem sendo favoráveis aos interesses obscuros de certos grupos políticos, ninguém vai fazer nada.

O crédito da Reforma da Previdência é do Presidente Jair Bolsonaro e vocês podem inventar o que quiserem para tentar esconder isso mas não vão conseguir. O monopólio das informações acabou e a sociedade tem outros meios (e mídias) para buscar como se informar melhor.

Diante de tudo isso, separamos para vocês as manchetes dos principais veículos de mídia tradicionais (mainstream) para conferir com os próprios olhos. Escancaramos também o nome dos jornalistas militantes que escreveram cada reportagem sobre a aprovação da Reforma da Previdência.

A única pergunta que fica é a seguinte: Por qual motivo exatamente as pessoas ainda continuam lendo esses jornais?

Correio Braziliense: Governo Comemora, mas mérito pela aprovação da Previdência vai para Maia
Autores: Alessandra Azevedo e Hamilton Ferrari

Estadão: Reforma da Previdência é aprovada em 1º turno na Câmara com folga de 71 votos
Autores: Anne Warth, Camila Turtelli e Mariana Haubert

G1: Maia lidera a Câmara e aprova Reforma
Autores: Redação do site

O Globo: No vácuo de poder deixado por Bolsonaro, entra a "Agenda Maia"
Autores: Paulo Celso Pereira

El País: Maia se firma como a voz da ponderação e cresce no panteão político
Autores: Carla Jiménez

Folha de São Paulo: Com votação da Previdência, empresários elogiam Maia e falam em "novo Brasil"
Autores: Joana Cunha
Sobre o(a) Autor(a):
POLITZ
Esse é o Perfil Oficial usado pela Equipe de Redação do POLITZ para criar as nossas matérias. As reportagens assinadas individualmente possuem perfil próprio.

Como de costume, oferecemos a fonte originária de todas as informações publicadas no final de cada artigo, com exceção das fontes internas. Captamos diversas informações pelo exclusivo #AlgoritmoPOLITZ que tem um alcance mundial.

Se você gosta do nosso trabalho como mídia independente, considere nos apoiar financeiramente com qualquer valor. Lembre-se que nós não recebemos dinheiro de políticos ou empresas estatais e só funcionamos com contribuições de vocês.

Comentários

P
Raciocínio Simples, a quanto tempo Rodrigo Maia é presidente da câmara? Porque os outros presidentes não aprovaram a reforma da previdência? porque os outros presidentes não conseguiram fechar o acordo do Mercosul com a União Européia? Porque a taxa de homicídios começou a cair? Hora, é claro que Rodrigo Maia Contribuiu para a reforma da previdência, mas isso só foi possível por causa da eleição de Bolsonaro, da pressão das ruas, imagina se o Haddad tivesse ganhado? Lula já estaria soltou, milhares de criminosos soltos, taxa de homicídios alta, e ainda já teriam destruido a Lava Jato, porque Sérgio Moro não teria proteção nenhuma como Juíz, imagine o Governo de Haddad Perseguindo Sérgio Moro e Deltan, e ainda apoiando Maduro, seria a coisa mais absurda de todas.
 
Se ninguém deve ser aplaudido por fazer o próprio trabalho. O presidente deve ser aplaudido ?
 

Informações da Publicação

Autor(a)
POLITZ
Visual.
4.164
Comentários
2
Última atualização

Mais de POLITZ

Compartilhar

Top Bottom