Mais uma pesquisa confirma: Presidente Jair Bolsonaro lidera com folga corrida eleitoral de 2022 com 35% das intenções de voto

A fonte originária, uma conhecida mídia mainstream e consequentemente com todas as suas características intrínsecas divulgou ontem à noite os resultados de uma pesquisa eleitoral feita por eles.

Como sempre, recomendamos ter um certo cuidado com tais informações, já que a credibilidade de qualquer pesquisas e "analistas políticos" tradicionais foram jogadas na lata de lixo nas últimas eleições. Cenário semelhante ao que acontece com o Presidente Donald Trump.

E considerando os resultados, o Presidente Jair Bolsonaro lidera a disputa de 2022, com 35% das intenções de voto.

Não sabemos porque diabos um ficha suja como Lula da Silva, corrupto e condenado, vem aparecendo nessas pesquisas, já que o mesmo é inelegível. No segundo turno, ele apareceria com 21% das intenções de votos.

O ex-ministro e ex-juiz Sergio Moro, que tem tanto perfil para político como tem para ser um elefante branco no meio de uma sala, apareceu em 11% das respostas dos entrevistados, sendo o mesmo valor para brancos e nulos.

De acordo com a publicação da fonte originária:

Os dados foram coletados de 14 a 16 de setembro, por meio de ligações para celulares e telefones fixos. Foram 2.500 entrevistas em 459 municípios, nas 27 unidades da Federação. A margem de erro é de 2 pontos percentuais.


1600433836767.png

Ainda, mais alguns trechos da reportagem supra citada:

HIGHLIGHTS DEMOGRÁFICOS
O PoderData separou recortes para as respostas à pergunta sobre as intenções de voto em 2022. Foram analisados os perfis por sexo, idade, nível de instrução, região e renda.
Jair Bolsonaro
  • melhor entre: homens (42%); residentes do Centro-Oeste (51%); e desempregados ou sem renda fixa (39%);
  • pior entre: mulheres (30%); os que têm de 16 a 24 anos (24%); os com ensino superior (23%); e residentes do Norte (24%).
Lula
  • melhor entre: os que têm de 45 a 59 anos (28%); os que ganham até 2 salários mínimos (26%) e de 2 a 5 salários mínimos (27%);
  • pior entre: os que ganham mais de 10 salários mínimos (12%).
Leia a estratificação completa no infográfico abaixo:


1600433898316.png

Para maiores detalhes, sugerimos entrar no link da fonte originária para a visualização completa das informações.
Fontes das Informações
Sobre o(a) Autor(a):
POLITZ
Esse é o Perfil Oficial usado pela Equipe de Redação do POLITZ para criar as nossas matérias. As reportagens assinadas individualmente possuem perfil próprio.

Como de costume, oferecemos a fonte originária de todas as informações publicadas no final de cada artigo, com exceção das fontes internas. Captamos diversas informações pelo exclusivo #AlgoritmoPOLITZ que tem um alcance mundial.

Se você gosta do nosso trabalho como mídia independente, considere nos apoiar financeiramente com qualquer valor. Lembre-se que nós não recebemos dinheiro de políticos ou empresas estatais e só funcionamos com contribuições de vocês.

Comentários

Não há comentários para mostrar.

Informações da Publicação

Autor(a)
POLITZ
Visual.
434
Última atualização

Compartilhar

Top Bottom