Ministério da Saúde cria 5 níveis de confinamento social, muito semelhante ao isolamento vertical adotado por outros países contra a praga chinesa

O Ministro da Saúde, Nelson Teich, criou diretrizes que orienta os Estados da federação e municípios para combater a praga chinesa causada pelo vírus (Coronavírus/Covid-19), recomendando diferentes graus de isolamento em 5 níveis diferentes, muito semelhante ao isolamento vertical que trouxe resultados em alguns países.

O Ministério da Saúde orientou 5 níveis diferentes de distanciamento social:

  • distanciamento social seletivo 1 – risco muito baixo;
  • distanciamento social seletivo 2 – risco baixo;
  • distanciamento social ampliado 1 – risco moderado;
  • distanciamento social ampliado 2 – risco alto;
  • restrição máxima – risco muito alto.

Cada grau terá um nível de pontuação, podendo ainda ser discutido com os secretários de Saúde locais e dos Estados, com o detalhamento de tais medidas devendo ser apresentado na próxima quarta-feira pelo Governo Federal.

O Ministro da Saúde afirmou que haverá uma nova reunião para definir um consenso geral sobre tais diretrizes:
- "Isso é um trabalho que sempre vai ser feito em combinação com Estados e municípios"
Reunido com os conselhos dos secretários de Saúde estaduais e municipais no último sábado, ele disse que já haveria um certo consenso, porém, os governantes mudaram posteriormente.

Segundo a fonte originária, uma das reivindicações desses secretários era que o Ministério da Saúde se posicionasse de forma mais clara sobre o que pensava do isolamento social que deveria ser feito no país, e Nelson Teich afirmou que a pasta da Saúde sempre estará aberta para discussões e ao diálogo.

O plano ministerial, baseado em estudos científicos, também é alvo de críticas, e o Ministro defendeu que a polarização da discussão do isolamento social é ruim:

- "Quando você polariza esse tipo de discussão, isso é muito ruim porque, em vez de você sentar para uma discussão técnica, você acaba caminhando para discussões que parecem mais, às vezes, de interesse pessoal, do que coletivo"
O Ministro também afirmou que o plano de diretrizes estava pronto há aproximadamente 10 dias, com a participação dos líderes estaduais. O plano, orienta que o nível de distanciamento social deve passar por um programa de avaliação, sendo que as autoridades devem discutir a capacidade de instalação local, o perfil epidemiológico, a velocidade do crescimento de casos e mobilidade urbana, cada um com um peso específico.

Após tal análise primária, haverá uma pontuação para verificar em qual grau de confinamento cada localidade deve adotar.

1589289257486.png

A apresentação das diretrizes, conforme fonte originária, pode ser lida na íntegra aqui:

Fontes das Informações
Sobre o(a) Autor(a):
POLITZ
Esse é o Perfil Oficial usado pela Equipe de Redação do POLITZ para criar as nossas matérias. As reportagens assinadas individualmente possuem perfil próprio.

Como de costume, oferecemos a fonte originária de todas as informações publicadas no final de cada artigo, com exceção das fontes internas. Captamos diversas informações pelo exclusivo #AlgoritmoPOLITZ que tem um alcance mundial.

Se você gosta do nosso trabalho como mídia independente, considere nos apoiar financeiramente com qualquer valor. Lembre-se que nós não recebemos dinheiro de políticos ou empresas estatais e só funcionamos com contribuições de vocês.

Comentários

Não há comentários para mostrar.

Informações da Publicação

Autor(a)
POLITZ
Visual.
256
Última atualização

Compartilhar

Top Bottom