Por ordem de Alexandre de Moraes, Twitter bloqueia 16 perfis de conservadores, apoiadores do Presidente Jair Bolsonaro

O Ministro Alexandre de Moraes do Supremo Tribunal Federal ordenou que a plataforma Twitter de rede social bloqueasse pelo menos 16 perfis de conservadores que apoiam o Presidente Jair Bolsonaro.

A ordem, vem de um desdobramento do famigerado Inquérito das Fake News.

Todos os perfis foram retirados do ar, informando a mensagem em inglês: "[handler]'s account has been withheld in Brazil in response to a legal demand.".

Em tradução livre, seria algo como "A conta foi bloqueada no Brasil em resposta a uma ordem legal".

O Twitter informou em nota pública que "agiu estritamente em cumprimento a uma ordem legal proveniente de inquérito do Supremo Tribunal Federal (STF)".

Entre os perfis suspendidos, temos o da Sara Winter, Roberto Jefferson, Allan dos Santos, Bernardo Küster, Luciano Hang, Edgard Corona e Otávio Fakhoury. A lista completa é a seguinte:

  • Allan dos Santos
  • Bernardo Küster
  • Edgard Corona
  • Edson Salomão
  • Eduardo Fabris Portella
  • Enzo Momenti
  • Luciano Hang
  • Marcelo Stachin
  • Marcos Bellizia
  • Otavio Fakhoury
  • Paulo Bezerra
  • Rafael Moreno
  • Reynaldo Bianchi Junior
  • Roberto Jefferson
  • Rodrigo Ribeiro
  • Sara Giromini
  • Winston Lima

Em maio deste ano, todos eles foram alvos de busca e apreensão autorizada pelo próprio Ministro Moraes, em desdobramento também do Inquérito das Fake News, que investiga supostos ataques a ministros da Corte e disseminação de notícias falsas, que a segunda, em tese, uma conduta criminal inexistente e não previsto no Brasil.

A censura do Ministério da Verdade já começou. E o próximo será você.
Fontes das Informações

Sobre o(a) Autor(a):
POLITZ
Esse é o Perfil Oficial usado pela Equipe de Redação do POLITZ para criar as nossas matérias. As reportagens assinadas individualmente possuem perfil próprio.

Como de costume, oferecemos a fonte originária de todas as informações publicadas no final de cada artigo, com exceção das fontes internas. Captamos diversas informações pelo exclusivo #AlgoritmoPOLITZ que tem um alcance mundial.

Se você gosta do nosso trabalho como mídia independente, considere nos apoiar financeiramente com qualquer valor. Lembre-se que nós não recebemos dinheiro de políticos ou empresas estatais e só funcionamos com contribuições de vocês.

Comentários

Não há comentários para mostrar.

Informações da Publicação

Autor(a)
POLITZ
Visual.
231
Última atualização

Compartilhar

Top Bottom