Protocolo do Ministério da Saúde sobre a Cloroquina/Hidroxicloroquina traz assinatura de sete técnicos especialistas da área de saúde

O novo protocolo emitido pelo Ministério da Saúde que autoriza o uso dos medicamentos Cloroquina/Hidroxicloroquina de forma precoce para pacientes infectados pelo vírus chinês (Coronavírus/Covid-19), até mesmo para casos leves gerou um furdúncio na imprensa, levando ela a questionar a parte técnica de tal documento.

Em resposta, o Ministério da Saúde informou que o documento conta com a assinatura de sete técnicos especializados em saúde da pasta, além de citar 76 artigos científicos que tratam sobre o uso do medicamento.

Nessa quinta-feira, a nota do Ministério da Saúde informou:

- "tema vinha sendo discutido no âmbito do Ministério da Saúde por seu corpo técnico. Para deixar clara a participação e o envolvimento de todos as secretarias, os titulares das pastas assinaram o documento ainda na quarta
Além do secretário de Vigilância em Saúde, o protocolo conta ainda com as participações de Mayra Isabel Correia Pinheiro, secretária de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde; Cleusa Rodrigues da Silveira Bernardo, secretária substituta de Atenção Especializada à Saúde; Robson Santos da Silva, secretário Especial de Saúde Indígena; Daniela de Carvalho Ribeiro, secretária substituta de Atenção Primária à Saúde; Vania Cristina Canuto Santos, secretária substituta de Ciência, Tecnologia, Inovação e Insumos Estratégicos em Saúde; e Antônio Elcio Franco Filho, secretário-executivo substituto.

Ainda, o Ministério da Saúde alertou também que não há "ensaios clínicos" que comprovem efetivamente o benefício "inequívoco" do uso de tais medicamentos, deixando ao critério do paciente, familiares e médicos para o uso, sendo necessário a autorização do doente para o uso do mesmo.
Fontes das Informações
Sobre o(a) Autor(a):
POLITZ
Esse é o Perfil Oficial usado pela Equipe de Redação do POLITZ para criar as nossas matérias. As reportagens assinadas individualmente possuem perfil próprio.

Como de costume, oferecemos a fonte originária de todas as informações publicadas no final de cada artigo, com exceção das fontes internas. Captamos diversas informações pelo exclusivo #AlgoritmoPOLITZ que tem um alcance mundial.

Se você gosta do nosso trabalho como mídia independente, considere nos apoiar financeiramente com qualquer valor. Lembre-se que nós não recebemos dinheiro de políticos ou empresas estatais e só funcionamos com contribuições de vocês.

Comentários

ninguém consegue achar os tais 76 artigos? Eu já cacei alguns por conta, mas queria ver qual a base do MinS pra isso.
 

Informações da Publicação

Autor(a)
POLITZ
Visual.
651
Comentários
1
Última atualização

Compartilhar

Top Bottom