Quando a realidade não funciona, parte-se para a publicidade: João Doria vai aumentar gastos com marketing e propaganda em 74% em SP, visando 2022

Podemos dizer que João Doria não está entre os governadores mais populares do Brasil, conforme podemos acompanhar em nossas análises e até manifestações em redes sociais dos eleitores de São Paulo e do restante do Brasil, inclusive com hashtags que apareçam chamando-o de #DitaDoria, uma referência às medidas draconianas (e ditatoriais?) impostas pelo governador no estado durante a pandemia do Coronavírus/Covid-19.

Conforme informou a fonte originária, visando as eleições de 2022, o possível presidenciável, considerado por boa parte dos apoiadores do Presidente Jair Bolsonaro com um traidor, quer aumentar em 74% os gastos com publicidade e marketing.

Ora, só é preciso usar propaganda para mostrar uma realidade que não existe. Se fosse bom, todo mundo estaria comentando naturalmente.

Não é bem o caso, né, João Doria?
Fontes das Informações
Sobre o(a) Autor(a):
POLITZ
Esse é o Perfil Oficial usado pela Equipe de Redação do POLITZ para criar as nossas matérias. As reportagens assinadas individualmente possuem perfil próprio.

Como de costume, oferecemos a fonte originária de todas as informações publicadas no final de cada artigo, com exceção das fontes internas. Captamos diversas informações pelo exclusivo #AlgoritmoPOLITZ que tem um alcance mundial.

Se você gosta do nosso trabalho como mídia independente, considere nos apoiar financeiramente com qualquer valor. Lembre-se que nós não recebemos dinheiro de políticos ou empresas estatais e só funcionamos com contribuições de vocês.

Comentários

Não há comentários para mostrar.

Informações da Publicação

Autor(a)
POLITZ
Visual.
282
Última atualização

Compartilhar

Top Bottom