#TraduçõesPOLITZ Reich de Merkel: Advogada alemã que criticou isolamento social é presa e internada em uma clínica psiquiátrica

O mundo definitivamente está pirando por conta da irresponsabilidade chinesa e a porcaria de sua praga.

O jornalista Paul Joseph Watson, famoso por suas opiniões duras contra o establishment, publicou um artigo informando que uma advogada especializada em medicina legal, teria criticado o isolamento social/quarentena imposta por Angela Merkel.

Beate Bahner publicou recentemente um comunicado à imprensa (press releaese) no último dia 3 de abril, criticando a medida imposta na Alemanha, sendo uma "flagrante inconstitucionalidade, infringindo sem precedentes direitos fundamentais dos cidadãos". A advogada é notoriamente conhecida na área médica, ganhando três casos na Corte Constitucional Federal e ainda publicou pelo menos 5 livros sobre medicina legal no país.

- "Essas medidas não são justificadas pela Lei de Prevenção de Infecções, alterada às pressas apenas alguns dias atrás [...] Restrições a longo prazo para impedir as pessoas de saírem de casa e conhecer outras pessoas, com base em cenários modelados com alta taxa de mortalidade, que não levam em conta as opiniões críticas de especialistas reais e o desligamento completo de empresas e lojas, sem a prova de que eles apresentam qualquer risco de são completamente ilegais."

A advogada convocou um protesto nacional contra as medidas de quarentena para "acabar com a tirania de uma vez".

Após suas manifestações, a resposta do Reich de Angela Merkel foi enviar a Polícia de Heidelberg para prendê-la e processá-la por "incitar a população alemã a quebrar a lei".

Após os acontecimentos, no dia 13 de abril ela informou sua irmã o que estava acontecendo, informando que estava até sendo seguida por um carro "suspeito" e pediu para que um motorista ligasse par a polícia.

Ela simplesmente acabou presa, sofrendo abuso policial e internada coercitivamente em um hospital psiquiátrico e afirma que está sendo tratada como uma terrorista:

“Pedi permissão para me sentar e fui levada a um banco. Depois, pedi que as algemas fossem retiradas, já que fui eu quem solicitou proteção policial [...] Mas, em vez disso, fui jogado no chão novamente, tendo minha cabeça jogada no chão de pedra a uma altura de um metro, à qual ninguém reagiu. Então fui forçada a passar a noite deitado no chão em alguma clínica psiquiátrica de alta segurança como se fosse Guantánamo. Não havia banheiro, nem pia, embora eles me permitissem água e havia uma campainha que eu pudesse tocar, embora a ignorassem depois da terceira vez que eu a pressionei."

Ela foi acusada formalmente ontem por "incitamento" e o seu advogado afirma que este caso "toca um alarme" por conta do tratamento que ela vem recebendo das autoridades do país:

- "Não preciso acrescentar que as alegações de abuso grave contra Bahner têm conotações desfavoráveis e aparecem nos capítulos mais sombrios da história alemã [...] O simples fato de que ela alegou ter sido tão maltratada foi o que me levou a escrever para você. Bahner está na companhia de mais de 50 especialistas conhecidos em criticar o bloqueio nacional. Ficaria feliz em fornecer uma lista dos nomes deles. Se é realmente o caso dos advogados que criticam as medidas do governo agora podem ser intimidados usando o aparato legal do estado ou a psiquiatria e podem ser profissionalmente e socialmente destruídos, então faltam cinco minutos para a meia-noite neste país."
Créditos Autorais:
Sobre o(a) Autor(a):
POLITZ
Esse é o Perfil Oficial usado pela Equipe de Redação do POLITZ para criar as nossas matérias. As reportagens assinadas individualmente possuem perfil próprio.

Como de costume, oferecemos a fonte originária de todas as informações publicadas no final de cada artigo, com exceção das fontes internas. Captamos diversas informações pelo exclusivo #AlgoritmoPOLITZ que tem um alcance mundial.

Se você gosta do nosso trabalho como mídia independente, considere nos apoiar financeiramente com qualquer valor. Lembre-se que nós não recebemos dinheiro de políticos ou empresas estatais e só funcionamos com contribuições de vocês.

Comentários

Informações da Publicação

Autor(a)
POLITZ
Visual.
1.570
Comentários
1
Última atualização

Compartilhar

Top Bottom