• Olá Visitante! Seja muito bem vindo(a)!

    O #FórumPOLITZ é uma Comunidade única, sendo a primeira rede social no estilo de Fórum criada para pessoas que tem sede de conhecimento, conteúdo, informação e que adora uma boa discussão. Prezamos pela liberdade de expressão, em uma rede totalmente segura, livre de censuras e perseguições ideológicas.

    Oferecemos recursos exclusivos, em uma plataforma construída no que há de mais moderno no mundo. Para aproveitar tudo isso, é preciso Criar um Perfil. É rápido, fácil e totalmente gratuito. Você pode usar até a sua conta no Twitter para fazer isso.

    Junte-se a nós, venha se informar e compartilhar o seu conhecimento com a comunidade que mais cresce no Brasil. Esperamos que goste :)

Senador não gostou da criminalização do Caixa 2: "Ir para a cadeia? Tá doido! De jeito nenhum!"

Informações da Imagem
O Senador Marcelo Castro, revoltado com a criminalização do Caixa 2 - Imagem: Geraldo Magela/Agência Senado
O Senador Marcelo Castro (MDB-PI) não gostou aparentemente da criminalização do Caixa 2 que aconteceu hoje na Comissão de Constituição e Justiça do Senado Federal.

Marcelo teria afirmado que "é praticamente impossível garantir que uma campanha eleitoral não tenha tido nenhum centavo não contabilizado" - durante o debate sobre essa criminalização de caixa 2 eleitoral.

Castro defende que o crime deveria ser punido apenas com perda de mandato, mas não com prisão.

A pessoa esquece de declarar na sua campanha um determinado fato ocorrido, uma despesa efetuada, o seu contador ou seu assessor esqueceu, você vai curtir cinco anos de cadeia? De jeito nenhum. Sou radicalmente contra isso que estamos fazendo aqui. Bote: perde o direito político, perde mandato ao qual foi eleito, nunca mais se candidate na vida. Posso concordar com tudo isso. Agora ir para a cadeia quem não é criminoso? Quem não praticou crime? Quem por um lapso ou descuido qualquer se esqueceu de fazer um registro eleitoral de uma campanha que é uma coisa absurda, volume de decisões tomadas no estado inteiro, que foge do controle do candidato?
O Senador também sustentou que sempre "lutou contra o abuso de poder econômico" e lembrou que foi relator de uma reforma política na Câmara quando sugeriu proibir doações de empresas, o que foi referendado posteriormente pelo Supremo Tribunal Federal.

Esse é o nosso Brasil brasileiro.
Fontes das Informações
Sobre o(a) Autor(a):
POLITZ
Esse é o Perfil Oficial usado pela Equipe de Redação do POLITZ para criar as nossas matérias. As reportagens assinadas individualmente possuem perfil próprio.

Como de costume, oferecemos a fonte originária de todas as informações publicadas no final de cada artigo, com exceção das fontes internas. Captamos diversas informações pelo exclusivo #AlgoritmoPOLITZ que tem um alcance mundial.

Se você gosta do nosso trabalho como mídia independente, considere nos apoiar financeiramente com qualquer valor. Lembre-se que nós não recebemos dinheiro de políticos ou empresas estatais e só funcionamos com contribuições de vocês.

Comentários

Não há comentários para mostrar.

Informações da Publicação

Autor(a)
POLITZ
Visual.
552
Última atualização

Compartilhar

Top Bottom