#Artigos Existem duas contas de luz, a dos ricos( no Mercado Livre), e a do povão( denominada, consumidor cativo,ou, consumidor escravo.

Cimberley Cáspio

Iluminado
Entrou
5/12/19
Posts
152
Reactions
99
Por Cimberley Cáspio

OPINIÃO DE PRIMEIRA: QUANDO O CONTRIBUINTE É A VÍTIMA E CAI NAS ...


A conta de luz dos ricos, negociada no Mercado Livre, banca todas as operações com as distribuidoras ou sei lá mais o quê. E é mais barata que a conta de luz do consumidor escravo, quer dizer, cativo.

E há uma migração constante entre os consumidores no Mercado Livre para as contas do consumidor cativo e vice-versa. Se os preços no Mercado Livre de energia estão altos, a migração se desloca para o consumidor escravo, quer dizer, cativo, e se o preço cai no Mercado Livre, migram para esse último e assim por diante. Eles, a lei proíbe o povão ter acesso nessa festa dos poderosos.

Mas se algo dá errado nas operações do Mercado Livre, com prejuízos, que claro, não são prejuízos pequenos, a dívida é jogada para o consumidor cativo pagar. Sempre foi assim. E essa despesa é obscura, não é transparente na conta de luz comum. E quando há prejuízo, são na casa dos milhões.

Esse e mais outros itens como impostos, taxas, que em grande parte nada tem a ver com a conta de luz, além de financiamento de energia elétrica para o estado de Roraima, cai no colo do consumidor cativo.

Na verdade, muita obscuridade é embutida na conta de luz do consumidor escravo, quer dizer, cativo, e não há nenhuma transparência em relação a isso.

A questão é: até quando isso vai durar? Até quando nós, consumidores cativos vamos continuar pagando por corrupção, negligência, incompetência que nada temos a ver?

Será que já não chega a nossa morte aos milhares por um vírus que nem brasileiro é?
 
Última vez editado:

Carlos Lacerda

Mestre
Perfil Limitado
Entrou
3/7/19
Posts
949
Reactions
401
Fiquei perdido pensando que Mercado Livre era o site e que tinha um jeito de pagar conta de luz por lá :icon-lol:
 
Entrou
22/6/19
Posts
7.789
Reactions
5.871
CCEE
Preço atual do megawatt/hora abaixo de 100 reais.
A do povão, 100 reais igual 1 kilowatt/hora.

Mesma coisa. Não entendi pq pobre reclama tanto. Paguem a conta calado e passem a agradecer mais os monopólios que os políticos oferecem para vcs.

Não conhecem o monopólio natural. kkkkkkkk?
 
Entrou
22/6/19
Posts
7.789
Reactions
5.871
O preço do mercado livre de energia prova que fontes 'limpas' como painel solar são economicamente inviáveis.
Os que geram usando esta fonte no brasil não sabem ou que estão baseando a análise no preço do mercado cativo de energia (o preço cobrado pelas distribuidoras, 1000 vezes no momento maior que o preço real de comercialização)

Ou não conhecem o verdadeiro custo de energia no brasil, do mercado livre.

Outra forma de se enganar é esquecer que o governo subsidia o preço de painels, pelo menos fazia isto, distorcendo o real custo, barateando o preço.

Mas socialmente falando, o preço do painel real é mais caro e ele é economicamente inviável na maior parte dos lugares. Tão lucrativo qto o FGTS o é.
 
Última vez editado:
Entrou
20/3/20
Posts
7.993
Reactions
15.001
Entrou
22/6/19
Posts
7.789
Reactions
5.871
150w seria o produzido sem a atmosfera da terra, creio que a 25C ou 0 graus celsius, tem que olhar no manual. Cada ºC reduz creio que em 0.4% a produção dos paineis. Tem que ver no manual. Estou usando uma média.

150w vai produzir no pico, que é atingido apenas 1 hora por dia 100.75W sendo muito bonzinho numa boa cidade de incidência solar. Isto no meio dia solar para o painel e com ajuste correto pela inclinação de latitude para o período do ano (muda em geral de 6 em 6 meses). Em BH, seria 0graus em 6 meses do ano e 20graus de inclinação nos outros 6 meses de acordo com as estações do ano.
Qto mais ao sul ou norte do equador (real, pq ele move 23.6C para cima e para baixo), menor a produção. De Belo Horizonte para SP, a diferença de produção é na casa de 20%, só para vc ter uma referencia grosseira apenas verificando a latitude, ignorando completamente a questão da poluição ou nuvens/clima.

Depois disto, coloca uma produção de 2 horas um pouco abaixo deste pico. Depois mais 2 horas de produção ainda mais abaixo deste pico.
E o restante do dia, reduza mto a produção abaixo de 50% ou mais para ter noção do qto isto produz por dia.

Seu custo por 1 megawatt/hora deveria ser de menos de 100 reais comprando no mercado livre.

Compare para produzir 1 megawatt/hora com o kit que falou, ignorando perda do equipamento de conversão que deve estar na faixa de 15% e ignorado o risco de dano ao conversor/inversor que é a parte mais frágil, cara e que dá mto problema para vc ver como o pais no todo perde dinheiro qdo se investe num meio ineficiente de produção para quem tem acesso a outros meios mais economicamente viáveis.
 
Última vez editado:
Entrou
20/3/20
Posts
7.993
Reactions
15.001
150w seria o produzido sem a atmosfera da terra, creio que a 25C ou 0 graus celsius, tem que olhar no manual. Cada ºC reduz creio que em 0.4% a produção dos paineis. Tem que ver no manual. Estou usando uma média.

150w vai produzir no pico, que é atingido apenas 1 hora por dia 100.75W sendo muito bonzinho numa boa cidade de incidência solar. Isto no meio dia solar para o painel e com ajuste correto pela inclinação de latitude para o período do ano (muda em geral de 6 em 6 meses). Em BH, seria 0graus em 6 meses do ano e 20graus de inclinação nos outros 6 meses de acordo com as estações do ano.
Qto mais ao sul ou norte do equador (real, pq ele move 23.6C para cima e para baixo), menor a produção. De Belo Horizonte para SP, a diferença de produção é na casa de 20%, só para vc ter uma referencia grosseira apenas verificando a latitude, ignorando completamente a questão da poluição ou nuvens/clima.

Depois disto, coloca uma produção de 2 horas um pouco abaixo deste pico. Depois mais 2 horas de produção ainda mais abaixo deste pico.
E o restante do dia, reduza mto a produção abaixo de 50% ou mais para ter noção do qto isto produz por dia.

Seu custo por 1 megawatt/hora deveria ser de menos de 100 reais comprando no mercado livre.

Compare para produzir 1 megawatt/hora com o kit que falou, ignorando perda do equipamento de conversão que deve estar na faixa de 15% e ignorado o risco de dano ao conversor/inversor que é a parte mais frágil, cara e que dá mto problema para vc ver como o pais no todo perde dinheiro qdo se investe num meio ineficiente de produção para quem tem acesso a outros meios mais economicamente viáveis.
Boa explicação
Positivaria se ñ estivesse com reactions bloqueados
 
Entrou
22/6/19
Posts
7.789
Reactions
5.871
Sendo mto benevolente com seu kit, contado um dos melhores pontos do brasil de produção segundo o indice medido nacionalmente (http://www.cresesb.cepel.br/index.php?section=sundata&) Não vou revelar o lugar, procure por vc mesmo.

Ignorando clima, colocando ele sempre como 100% do tempo produção. Ignorando redução do tempo solar no inverno e ampliação no verão, q é qdo tem mais nuvem tbm. Pensando em paineis que variam a inclinação norte sul de acordo com as estações, ajustados 2 vezes por ano.

Ou seja, tudo a seu favor e contando temperatura de 25C, não os 45 a 50 que o painel normalmente fica por estar exposto ao sol. Ou seja, com produção não perdendo 0.4% por grau celsio.

Creio que este kit neste cenário qse perfeito produziria cerca de 1.095 kw/hora no ano, ou menos de 100 reais no mercado de energia livre.

Ignorei que os paineis perde cerca de 0.5% de capacidade de produção anualmente tbm.

Como hoje o mercado cativo, ou seja, os consumidores vítimas do monopólio político do mercado pagam 1000 vezes mais o valor da energia, parece que o painel solar é economicamente viável. Mas qto comparado ao preço de mercado, dá para ver que ele levaria 30 anos para se pagar, ignorado a inflação.

A distorção de preço instalada por legislação é que faz o gado achar que dá para fazer dinheiro com um produto destruidor de valor de dinheiro, tanto ou mais que o FGTS.
 
Última vez editado:
Entrou
22/6/19
Posts
7.789
Reactions
5.871
Fiquei perdido pensando que Mercado Livre era o site e que tinha um jeito de pagar conta de luz por lá :icon-lol:

Logo de cara vc veh o prelo do MegaWatt/hora na versão atual do site.
O que vc paga na conta de luz é o kilowatt/hora para o monopólio que o governo definiu para sua área. Olha e chora para ver qtas milhares de vezes sua luz é mais cara do que os monopolistas que mamam direto da fonte podem pagar.
 

Crie Uma Conta Ou Faça o Login Para Postar Aqui

Você precisa ter um Perfil para comentar ou criar Tópicos

Criar um Perfil

Crie um Perfil para participar! É fácil, rápido e totalmente gratuito.

Fazer Login

Se você já possuí uma conta, faça o login aqui.

Top Bottom